DESTAQUE:
print this page
Última Postagem:

Prefeitura de Cabedelo anuncia para esta sexta-feira (31) o pagamento de janeiro dos servidores municipais

Afirmando o compromisso de pagar em dia e dentro do mês trabalhado como forma de reconhecimento ao servidor municipal, a Prefeitura Municipal de Cabedelo anunciou que realizará o pagamento salarial de todos os funcionários públicos municipais, sejam ativos, aposentados ou pensionistas, nessa sexta-feira (31/01). O pagamento deste mês já incorpora o reajuste do salário mínimo definido pelo Governo Federal, no valor de R$ 724,00.
“Estamos reafirmando o compromisso de pagar o salário dos servidores dentro do mês trabalhado. Essa é a nossa prioridade, como parte da política que estamos implementando para valorização dos funcionários, a fim de que todos possam se organizar financeiramente, com mais tranquilidade”, afirmou o Prefeito de Cabedelo, Leto Viana.

Fonte: Secom-Cabedelo

Cabedelense que estabeleceu o recorde de 253,74 km em cima de um skate foi homologado e entra para o RankBrasil


Alex Garcia Ximenes Quintans, de 27 anos, entra para o RankBrasil em 2014 com a Maior distância percorrida sobre um skate, durante o Jampa Longboard Day, realizado nos dias 11 e 12 de janeiro, em João Pessoa (PB). Ele andou 253,74 km em uma estrutura montada na área externa da Estação Cabo Branco por 24 horas. Foram 15 horas e 32 minutos efetivamente em cima da prancha e oito horas e 28 minutos de paradas técnicas.
O desafio começou às 16h10 de sábado e terminou no mesmo horário, de domingo. Ele foi acompanhado pelo Educador Físico do Laboratório de Cineantropometria (Labocine) da UFPB, Thiago Siqueira Paiva de Souza que verificou a pressão arterial, peso e fez coletas de sangue enquanto o recordista realizava o percurso.
Para conseguir passar tanto tempo no skate, foram três meses de preparação intensa e diária. Além disso, contava com os treinos de longa distância já feitos há um ano com o objetivo de participar de grandes circuitos.


Durante o trajeto realizou 10 pausas para acompanhamento clínico, massagem, alimentação e ir ao banheiro. O geógrafo eliminou 19.184 calorias na atividade e perdeu três quilos.
Alex utilizou o relógio Nike Watch com dispositivo GPS a fim de medir a distância percorrida. A cada parada, os dados eram transferidos para o computador com o aplicativo Nike Plus.
Apesar do esforço físico, o atleta não teve complicações e sentiu apenas fadiga muscular após a atividade. “Graças a Deus, não tive nenhum problema ou lesão, tanto que no outro dia, depois da prova, consegui correr 10 km”.
Ele recebeu o título com muita alegria e considera-se privilegiado. “Estou feliz pelo recorde. O maior sonho na vida é você fazer o que gosta e ainda ter a família e amigos por perto. Foi o meu caso. Um negócio de outro mundo. Fantástico”.
O recordista se refere a participação dos amigos e familiares que acompanharam a prova e o ajudaram. “Não teve um minuto que eu estivesse sozinho. Sempre tinha alguém lá. É muito importante o apoio das pessoas”.
Segundo o atleta, que pretende participar de grandes provas neste ano, ainda há muitos limites a serem superados. “Desafios sempre existem e tem muita coisa pela frente. Continuo treinando e estou à procura de novos patrocínios”.
Evento
Além dos treinos, foram três meses de dedicação também na organização do Jampa Longboard Day, que contou com 12 provas de push race e skate street. Segundo o paraibano, o recorde tornou-se possível por meio do campeonato que ofereceu a estrutura e visibilidade ao desafio.
O evento foi uma realização da IRRA! Esportes Radicais em parceria com a Secretaria de Juventude, Esporte e Recreação da Prefeitura Municipal de João Pessoa (SEJER) e recebeu patrocínio do Cup Noodles, Fiori, Uni-Sport e Açaito. A festa ainda contou com o apoio de Estilera, Carver, IMA Contruções, MIX FM, Idaiá e Revista Moçada que Agita.
CLIQUE AQUI e confira na página do RankBrasil a homologação do recorde do cabedelense Alex Quintans, filho do empresário Sebastião Quintans.
Redação com assessoria.

Prefeitura de Cabedelo institui o Ano Cultural Altimar Pimentel e apresenta projetos e ações para a Educação

A Prefeitura de Cabedelo, através da Secretaria Municipal de Educação, realizará nessa terça-feira (28), às 08h30, no Teatro Santa Catarina, a apresentação do ano letivo 2014. Durante o evento, serão divulgadas as ações, programas e projetos educacionais que integrarão a campanha municipal intitulada “Semear Educação Cidadã”, a ser desenvolvida ao longo do ano. Na ocasião, o Prefeito Leto Viana entregará as portarias de nomeação de todos os gestores escolares e assinará o decreto instituindo o “Ano Cultural Altimar de Alencar Pimentel”, em homenagem ao escritor, jornalista e teatrólogo que tanto incentivou e divulgou a cultura cabedelense numa ação conjunta das Secretarias de Educação e de Cultura.
O evento terá início com uma apresentação do coral cabedelense Tom Jobim e contará com a presença de convidados especiais e representantes de todas as 30 unidades educacionais do município, sendo 22 escolas e 08 creches.
“Estaremos reunidos com os multiplicadores diretos do nosso Projeto, que é implantar uma Educação Cidadã no município de Cabedelo. Acreditamos na Educação como sendo a base de formação da cidadania, imprescindível à construção de uma sociedade justa, onde todos tenham a oportunidade de desenvolver seu potencial e disputar em igualdade de condições as oportunidades, inclusive profissionais”, afirmou o Prefeito Leto Viana, ressaltando o trabalho da Secretária Municipal de Educação e de Cultura, Clecy Alves, e do Assessor Especial da Secretaria, Neroaldo Pontes.
Ano Cultural Altimar de Alencar Pimentel – A cada ano, a Prefeitura de Cabedelo homenageará uma personalidade que tenha prestado relevantes serviços à cultura cabedelense. Este ano será dedicado a Altimar de Alencar Pimentel (in memoriam), escritor, teatrólogo e jornalista que dedicou sua vida à arte e ao município de Cabedelo, incentivando, divulgando e enriquecendo a cultura local.
Altimar Pimentel ocupou a cadeira nº 1 da Academia Paraibana de Letras, bem como uma cadeira no Instituto Histórico e Geográfico da Paraíba. Graduado em Letras pela Universidade Federal da Paraíba, era especialista em Direção Teatral, em Teatro de Bonecos e implantou o Curso de Comunicação Social da UFPB.
Publicou mais de 30 livros e outras dezenas de artigos sobre a história de Cabedelo, Folclore, estudos de Folclore e Literatura, incluindo coco de roda, contos populares, ciranda, lapinha, fandango e bumba meu boi. Teve mais de 10 peças de teatro publicadas e muitas encenadas. Uma de suas obras, “Incantations”, foi publicada nos Estados Unidos e outra, “O auto do Boi na Paraíba”, na França.
Em reconhecimento ao seu trabalho desenvolvido pela cidade, Altimar Pimentel foi eleito vereador de Cabedelo, assumiu diversos cargos municipais, como Secretário de Educação e de Cultura. Teve um grande destaque estadual e nacional, como Assessor Cultural do Instituto Nacional do Livro, no Rio de Janeiro; Assessor Administrativo da Câmara dos Deputados, em Brasília; Vice-Presidente da Associação de Dramaturgos do Nordeste; membro do Conselho da Lei Viva Cultura; coordenador do Núcleo de Pesquisa e Documentação da Cultura Popular da UFPB; diretor do Teatro Santa Roza, em João Pessoa, entre tantas outros cargos.
Durante muitos anos, trabalhou como jornalista, sendo redator da Coordenação do Ministério da Agricultura; da Câmara dos Deputados; dos jornais Correio Brasiliense, Correio da Paraíba, O Momento e A Tribuna.
Altimar conquistou muitos prêmios, por três vezes foi eleito o melhor autor em Festivais Nacionais de Teatro e recebeu diversos títulos, menções honrosas, entre outras homenagens, em uma trajetória de muita dedicação pela Literatura, pelo Folclore, pelo Teatro e por Cabedelo.
“A família ficou muito emocionada com essa homenagem, pois somos grandes admiradores do trabalho de Altimar e é muito gratificante ver a Prefeitura de Cabedelo reconhecer o que ele fez pela cidade e tê-lo como exemplo a ser seguido. Espero que a trajetória de Altimar seja inspiração para os nossos jovens, porque era exatamente isso que ele queria, que os cabedelenses valorizassem sua própria cultura”, afirmou a esposa do homenageado, Cleide Rocha.
Veja o vídeo divulgação do Ano Cultural Altimar Pimentel 
Fonte: Secom - Cabedelo

Conheça a íntegra do PPA e da LOA aprovada na Câmara de Cabedelo

Você conhece a proposta de Lei Orçamentária e o Plano Pluri Anual enviado pelo executivo e aprovado na Câmara?
Não perca a oportunidade e clique nos links abaixo para ter acesso e conhecer o:
Segundo o Observatório de Gestão Publica de Cabedelo, sem a participação popular, o Plano Diretor e as propostas orçamentárias enviadas a Câmara pelo Poder Executivo cabedelense, não apontam para os enfrentamentos dos velhos problemas de Cabedelo. E ao final do primeiro ano de mais uma gestão municipal em Cabedelo, as propostas de Lei orçamentária que preveem a aplicação dos recursos do Município tendem a repetir a ineficiência dos anos anteriores.
De acordo com o observatório, a população de Cabedelo tem sido marginalizada do processo de discussão e definição do seu orçamento ao longo dos anos e neste ano de 2013, a despeito de mudança de governo e da Câmara, não foi diferente. O poder Executivo e Legislativo começa a excluir a população do debate a partir do não cumprimento das leis orçamentárias inscritas na Constituição, na Lei de Responsabilidade Fiscal e da própria Lei Orgânica do Município de Cabedelo.
De acordo com a Lei Orgânica Municipal, o prazo para que o Prefeito apresente a Lei de Orçamento Anual para a Câmara de Vereadores é até o final de agosto de cada ano. Neste ano o Prefeito só assinou a Lei Orçamentária Anual de Cabedelo em 30 de setembro, com atraso de 30 dias. A Lei Orgânica determina que todas as peças orçamentárias (LDO, PPA e LOA) devem ser disponibilizadas para as Associações até o dia 30 de julho, ou seja, um mês antes de enviá-la para a apreciação da Câmara de Vereadores e isso nunca aconteceu.
 A lei determina que a aplicação dos recursos do Município deve ser definida com a participação da população e que o Poder Público deve usar de todos os recursos de divulgação, convocação e preparação para que isso aconteça.
O Prefeito e os Vereadores, através da Comissão de Finanças da Câmara, cumprem as Leis que dão o direito aos cidadãos conhecerem o orçamento e decidirem onde serão aplicados os recursos públicos que são de todos?
Disponibilizamos os links abaixo para que você conheça o PPA e a LOA enviada para aprovação e que foi aprovada pelos vereadores.

Da Redação

Prefeito de Cabedelo convoca reunião com Secretários, Docas e DNIT para evitar interdição do tráfego de cargas vindas do Porto

O Prefeito de Cabedelo, Leto Viana (PTN), convocou uma reunião com sua equipe de Secretários Municipais, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), a Companhia Docas, vereadores, representantes das empresas transportadoras de cargas e combustíveis e representantes dos moradores. O evento aconteceu nesta quarta-feira (29), no Varandas Bar, Centro de Cabedelo e tinha o objetivo de resolver um problema que há mais de 20 anos incomoda os moradores das ruas de acesso ao Porto de Cabedelo, devido ao tráfego intenso de caminhões.
Na pauta da reunião, a problemática debatida foi o trânsito de acesso ao Porto e às grandes empresas instaladas nas adjacências, uma vez que os caminhões, transportando cargas pesadas, passam por vias residenciais estreitas e sem infraestrutura adequada para suportar o peso dos veículos. Assim, além do barulho frequente, os caminhões acabam danificando o calçamento das ruas e espalham grande quantidade de poeira pelas casas, inclusive petcoke, pó preto derivado do petróleo.
“Esse é um problema que a população vem enfrentando há mais de duas décadas, então é preciso compreender que não temos como resolvê-lo da noite para o dia. Infelizmente, ao longo dos anos, não foi feito um planejamento urbano para guiar o desenvolvimento da cidade. Mas essa é uma prioridade para a Prefeitura e vamos nos reunir com as demais autoridades competentes a fim de encontrar uma solução legal e viável, que beneficie a população sem prejudicar o acesso ao Porto, fundamental para a economia de Cabedelo e de todo o Estado da Paraíba”, afirmou o Prefeito Leto Viana
Protesto - Há uma semana, moradores se revoltaram contra essa situação nas ruas em que residem e danificaram o calçamento de alguns logradouros, interditando o trânsito nas vias consideradas artérias principais no tráfego de caminhões que circulam no Município.
Evitando que a interdição de vias interrompesse o transporte das cargas vindas do Porto de Cabedelo, o que prejudicaria a economia local e Estadual, as Secretarias Municipais de Obras, Mobilidade Urbana e Segurança realizaram uma operação conjunta, para limpeza e desobstrução das oito ruas que haviam sido interditadas.

Fonte: Secom-Cabedelo

Entra em vigor Lei contra a corrupção que pretende punir empresas corruptas e corruptoras.

 O Brasil passa a ter a primeira norma legal que pune empresas corruptoras. Entra em vigor a Lei 12.846/2013, que prevê a responsabilização administrativa e civil de pessoas jurídicas pela prática de atos contra a administração pública.
Aprovado pelo Senado em 4 de julho de 2013, o projeto foi sancionado em 1º de agosto do ano passado e publicado no dia seguinte no Diário Oficial da União. A partir daí, começou a contar o prazo de 180 dias para o início da vigência da norma.
Empresas flagradas em irregularidades como fraudes em licitações públicas, manipulação do equilíbrio econômico-financeiro de contratos ou oferta de vantagem indevida a agente público poderão pagar multa de até 20% do faturamento bruto.
Quando não for possível definir o valor do faturamento, a multa poderá variar de R$ 6 mil a R$ 60 milhões, mas nunca será inferior à vantagem obtida com o procedimento ilegal.
Além disso, as empresas sujeitam-se a perder bens, direitos e valores obtidos com a infração e a ter a interdição parcial de suas atividades. Conforme a gravidade do caso, o Ministério Público poderá solicitar a dissolução compulsória da pessoa jurídica.
Outras sanções previstas são a proibição, imposta à pessoa jurídica, de receber recursos, em forma de subsídios, subvenções, doações ou empréstimos, de instituições financeiras públicas, pelo período de um a cinco anos.
Empresas condenadas ficam proibidas de participar de licitação e de contratar com o poder público durante o prazo de cumprimento da sentença.
A empresa será obrigada também a custear a publicação, em meio de comunicação, do extrato da sentença que a condenou pela prática de corrupção.
Responsabilidade individual - Conforme a lei, a punição da pessoa jurídica não exclui a responsabilização individual de seus dirigentes ou administradores. Também não afeta processos por atos de improbidade administrativa e decorrentes de infrações à Lei de Licitações (8.666/93). A norma abrange atos lesivos praticados por empresas brasileiras contra a administração pública estrangeira, ainda que cometidos no exterior.
De iniciativa do Executivo, a proposta tramitou no Senado como PLC 39/2013. Relator no Plenário, o senador Ricardo Ferraço (PMDB-ES) disse que, além de atender a recomendação da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), o projeto valoriza a imagem brasileira no cenário internacional. “Com uma lei anticorrupção, as empresas internacionais teriam incentivos renovados para direcionar seus investimentos ao Brasil, posto que o ambiente negocial do país estaria revestido de maior transparência e segurança jurídica”. Disse.

Fonte: Agência Senado

Deputado denuncia que dívida de R$ 10 milhões está fazendo Cabedelo ficar sem coleta de lixo

Segundo denuncia do deputado Trócoli Jr, a Marquise, empresa que administra os serviços de limpeza urbana em Cabedelo, suspendeu os trabalhos porque está há 10 meses sem receber o pagamento da prefeitura e o município que tem o 2º maior orçamento da Paraíba está sem coleta lixo por conta de uma dívida de R$ 10 milhões. Alguns funcionários, inclusive, já teriam sido demitidos.
A denúncia foi feita pelo deputado estadual Trócolli Júnior (PMDB) que se indignou ao saber que a população cabedelense está, literalmente, vivendo no lixo “Como é que uma cidade que tem o 2º maior orçamento de todo o Estado chega a uma situação como essa? Sabemos que a limpeza urbana é essencial para a boa saúde e o bom desenvolvimento da população. O povo de Cabedelo está sofrendo, sendo prejudicado por uma dívida que não é dele, porque essas pessoas pagam seus impostos e o mínimo que elas esperam é ver seu dinheiro ser aplicado devidamente em serviços básicos como é a questão da coleta de lixo”, ressaltou Trócolli.
O legislador informou que vai procurar as autoridades para tentar reverter o problema e impedir que a população sofra as conseqüências da falta de coleta de lixo. “Com certeza nós não vamos cruzar os braços diante de um problema tão sério quanto esse. Vamos buscar providências no sentido de resolver o mais depressa possível essa questão e impedir que o povo de Cabedelo seja abandonado”, declarou.

Fonte: Asessoria/pbagora

Você tem direito a revisão do FGTS - Leia porque e acesse o modelo de ação para garantir esse direito

De acordo com a advogada Stephanie Correia, especialista em Direito Público, qualquer pessoa que tenha algum saldo do FGTS entre os anos de 1999 e 2013 tem direito a revisão. A diferença do valor pode chegar até quase 90% em muitos casos. Ela explica que o FGTS pode ser recalculado devido ao índice que a Caixa Econômica Federal tem utilizado para fazer as contas do fundo.
A Caixa utiliza a Taxa de Referencia (TR) para calcular a garantia e não pode atualizar conforme os índices de inflação. O problema é que a taxa é mais baixa que a inflação dos últimos anos. O cálculo do FGTS, atualmente, utiliza a TR mais 3% ao ano, que não supera a inflação. Segundo Stephanie, o valor diferencial de quem já sacou o FGTS será depositado posteriormente quando um novo saque for realizado.
Para pedir o recálculo, o trabalhador precisa buscar a Justiça através de suas entidades de classe representativas, da Defensoria Pública da União (DPU) ou, em causas individualizadas, através de um advogado.
A DPU já sinalizou que pretende ingressar com uma ação civil pública contra a Caixa para que o FGTS de todos os que tiveram saldos entre 1999 e 2013 seja corrigido pela inflação. A advogada diz ainda que a defasagem nos valores representa um “prejuízo” aos trabalhadores, já que muitas vezes são utilizados para fins habitacionais, e que “muitas pessoas ainda não têm conhecimento deste direito”. “Poucas pessoas tem procurado a revisão do FGTS. “A revisão dos cálculos não trará nenhum ônus para as empresas que depositam 8% dos vencimentos dos trabalhadores corretamente a cada mês”, pontuou.
Já existe jurisprudência de primeira instância para correção dos valores de ações que tramitam na Justiça Federal de Minas Gerais, por exemplo. Para pedir a revisão, é necessário apresentar documento de identificação pessoal; comprovante de residência; Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS); extrato do FGTS; e carta de concessão do benefício, para os aposentados.

Da redação

56 ONGs realizam o maior encontro de entidades representativas da história de Cabedelo e articulam o 3º setor da cidade.

Depois dos últimos acontecimentos políticos de Cabedelo, onde claramente o poder econômico e financeiro, capitaneado por uma força oculta e não mais misteriosa, que emperra o deslanchar da verdadeira vocação da cidade, ditando as regras do jogo político, cooptando lideranças e partidos, manipulando resultados, enfraquecendo e depondo líderes do povo e, entravando as políticas públicas que culminariam no desenvolvimento social, cultural, turístico e econômico da cidade portuária paraibana, as ONGs cabedelenses, começam a se articularem para preparar as lideranças populares, visando libertá-las dos vícios, da inércia, do despreparo e da falta de informação, integrando-os em uma rede de articulação social, com objetivos claros e coletivos definidos.
Enganam-se quem pensar que a cidade dorme em berço esplêndido e não está nem aí para os últimos acontecimentos. Cabedelo tem sim um movimento social vivo e em pleno desenvolvimento. Isso ficou claro no último final de semana, quando os movimentos populares e sociais da cidade, realizam o maior encontro já registrado na historia do município, com a presença de 56 entidades não governamentais e mais três instituições governamentais ligadas aos Poderes Legislativos, estadual e municipal.
Foi um dia histórico para os movimentos populares e socais do município, uma demonstração de união, força e solidariedade, expressada desde a construção do hexa evento (como vinha sendo chamado pela mídia digital), bem como, através dos debates sobre os problemas locais, as articulações políticas dos segmentos presentes, o repasse de informações, a firmeza no que desejam como políticas públicas para a cidade e na aprovação de documentos que serão, posteriormente, encaminhados as autoridades competentes.
Objetivando fortalecer e contribuir para com o crescimento político dos que fazem os movimentos populares e sociais do Município de Cabedelo e construir uma articulação política metropolitana, o Hexa Evento teve sua mesa composta pelo professor Jaemio Carneiro que conduziu a abertura oficial do encontro, acompanhado dos senhores: Fernando Borges, Presidente da Federação dos Trabalhadores no serviço Público do Estado da Paraíba – FETASP; Marcelo Lima, presidente da Federação das Entidades Não Governamentais da Paraíba – FENGAES; os deputados, Jutay Meneses, presidente da Frente Parlamentar de Políticas Publica para Juventude e Trócoli Júnior, representante da Frente Parlamentar de Segurança Pública da ALPB; o vereador Junior Datele, único representando da Câmara Municipal da cidade, e ainda, o representante da Agenda 21 Local, Wellington Brito.

Na programação do maior encontro das entidades sociais e representativas de Cabedelo, alem das palestras, painéis e elaboração de documentos comuns as 56 entidades participantes, estavam programados vários eventos paralelos, como: discussão da Agenda 21, eleição da coordenação municipal do Movimento Nacional de Luta por Moradia – MNLM, articulação e construção de propostas das Redes: SOS Cabedelo; articulação das mulheres e da juventude, alem de momentos de construção, descontração e lazer.
O Hexa Evento teve inicio com a Agenda 21, que contou com a explanação do economista e diretor da Agência de Desenvolvimento Sustentável da Paraíba, Saulo Xavier, mediado pelo representante do Governo Estadual, Wellington Brito. Após os debates, foram escolhidos como titulares da coordenação municipal da Agenda 21, Moises de Oliveira, presidente da Associação Comunitária de Jardim Brasília e coordenador estadual do MNLM, Ricardo Tabosa, da intersindical e Manuel Fernandes, do Ocupa Cabedelo, como representantes dos Movimentos sociais e sindical.
Duas mesas temáticas foram realizadas e uma delas contou com a mini conferencia do ex-comandante da Policia Militar da Paraíba, Cel. Carvalho que abordou o tema segurança pública. O Radialista Aguinaldo Silva mediou os debates e participaram das mesas temáticas, o presidente da Frente Parlamentar de Políticas Publica para Juventude, deputado Jutay Meneses, o representante da Frente Parlamentar de Segurança Pública da Assembleia Legislativa do Estado, deputado Trocoli Júnior, o vereador Junior Datele e Wellitong Brito. O jovem kassio Ferreira, representando a articulação Juventude Presente, aproveitou para entregar aos deputados, documento solicitando audiência publica da ALPB, para discutir a segurança e o genocídio que vem acontecendo com os jovens da periferia de Cabedelo e das grandes cidades paraibana.
O evento contou ainda com representantes da coordenação estadual do MNLM que acompanharam os debate sobre o movimento na cidade e a eleição da coordenação municipal. Bem como, a provação da Carta de Cabedelo ao Governo do Estado da Paraíba. Já a articulação Juventude Presente apresentou aos seus membros o projeto da 1ª Bicicletada Metropolitana: Pedalando por Ciclovias, Ciclofaixas, Ciclorotas e Bicicletários, que será realizada no dia 09 de março proposta pelo Núcleo da Juventude da Rede de ONGs SOS Cabedelo – NJ/REDE.
O destaque do evento ficou para a Carta de Cabedelo elaborada pela a articulação da Rede Mulher que contou com a participação de representantes dos Municípios de Cabedelo, João Pessoa, Lucena e Bayeux.  Alem da carta que será amplamente divulgada, foi formada uma comissão para visitar a Frente Parlamentar da Mulher da Assembléia Legislativa do Estado e os Movimentos 8 de Março e o Coletivo Cunhã, objetivando a realização de um Fórum Metropolitano da Mulher.
De fato foi indiscutivelmente um dia muito especial para os movimentos populares e sociais da cidade, alem de realizam o maior encontro de entidades sociais da historia de Cabedelo, sua realização, aprofundou os debates sobre os problemas locais, articulou os segmentos presentes, aprovou documentos comuns e ainda promoveu a socialização com sorteios de brindes, feijoada, churrasco e musica ao vivo. Alem de fortalecer e contribuir com o crescimento político dos que fazem os movimentos populares e sociais do Município de Cabedelo.
Paralelo a tudo isso, a comunidade de Camboinha e os estudantes do IFPB voltaram a fechar a BR 230 em protesto velado contra o descaso do DNIT que já vitimou 15 pessoas, fatos lastimáveis que levaram os moradores locais a denominarem o Km 3,5 da Transamazônica de “contorno da morte”. 
Texto: Aguinaldo Silva/Darloza Braga

As matriculas para novos alunos na Rede Municipal de Ensino de Cabedelo acontecem até o dia 31 de janeiro

A Secretaria de Educação de Cabedelo (SEDUC) informa que as matrículas para os novos alunos da Rede Municipal de Ensino se encontram abertas até o dia 31 do corrente mês.
Para os alunos antigos, a renovação da matrícula acontece de forma automática, mas os pais ou responsáveis deverão comparecer à Unidade de Ensino (escola ou creche onde o aluno estudou em 2013) para confirmar a renovação da matrícula. De acordo com o Assessor Geral da SEDUC, Neroaldo Pontes de Azevedo, a confirmação da matrícula dos alunos antigos também poderá ser realizada até o dia 31 de janeiro.
Documentação exigida para a matrícula:
No ato da matrícula, o aluno novato deverá apresentar à Unidade de Ensino os seguintes documentos:
I.          Certidão de Nascimento (cópia);
II.        01 (uma) foto 3x4;
III.       Histórico Escolar Original;
IV.       Carteira de Vacinação;
V.        Documento Militar (quando maior de 18 anos);
VI.       Identidade (R.G.) e CPF;
VII.     Cartão do SUS (cópia);
VIII.    Número do NIS (bolsa família).
A ausência de algum desses documentos não deve inviabilizar a matrícula, exceto o Histórico Escolar, que pode ser substituído no momento da matrícula por uma declaração, comprometendo-se o responsável a apresentá-lo no prazo de até 30 (trinta) dias.
Distribuição de vagas - A distribuição de vagas no Sistema Municipal de Ensino obedece aos critérios estabelecidos pela SEDUC e está de acordo com o Estatuto da Criança e Adolescente, levando em consideração a disponibilidade física de cada Unidade de Ensino e a proximidade da residência do aluno em relação à escola.
Organização - A equipe técnica da Secretaria Municipal de Educação disponibilizou um Manual de Orientações para a Educação – Ano Letivo 2014 – Acesse: Clique Aqui!
A Rede Municipal de Ensino de Cabedelo possui 08 Creches e 22 Escolas, que no ano passado matricularam cerca de 7.500 (sete mil e quinhentos) alunos. Para este ano, a expectativa é que esse número possa ser aumentado em 500 (quinhentas) novas matrículas.

Fonte e foto: SECOM - Cabedelo

Deputados paraibanos devem gastar até R$ 6 milhões nas eleições deste ano

Foi-se o tempo em que bastava defender uma boa causa para ganhar a simpatia e o voto do eleitor. Na atualidade, segundo os parlamentares paraibanos, o dinheiro tem o poder de ampliar as chances de vitória em uma disputa eleitoral.
Em 2010, os 12 deputados federais que estão no exercício do mandato gastaram R$ R$ 4,4 milhões durante a campanha, conforme aponta demonstrativo de prestação de contas do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Há quem aposte que, na eleição de 2014, os gastos devam se elevar pelo menos 30%. Caso essa previsão se concretize, as despesas seriam de aproximadamente R$ 6 milhões.
“Hoje, as pessoas não se atentam mais aos candidatos como no passado. Por isso, se precisa de uma exposição maior. Em função disso, os gastos têm crescido muito. Eu acho, inclusive, que essa média deve subir até por uma lógica financeira, devido ao crescimento da inflação e os preços dos produtos. Acredito que gastaremos cerca de 30% a mais do que em 2010”. A afirmação é o deputado federal Leonardo Gadelha (PSC).
Ele disse que os candidatos “tipo celebridade” são exceções a essa regra, por já serem bastante conhecidos na sociedade. “Essas pessoas não dependem tanto da confecção de cartazes, adesivos, da exposição que os outros candidatos precisam ter. Esses candidatos conseguem se eleger gastando menos, mas é uma exceção. A maioria das pessoas que vão disputar um cargo eletivo precisa se tornar conhecida”, afirmou o parlamentar.
Leonardo Gadelha pontuou quais são os principais gastos em uma campanha eleitoral são: deslocamento, aluguel de carro de som, material gráfico (adesivo, cartaz, folder), produção da propaganda eleitoral para o rádio e TV e com a contração de cabos eleitorais.

Fonte: Portal Correio

Rio Jaguaribe morre à míngua com despejo de esgotos, lixo e invasão de construções



Desde a nascente, situada próxima às Três Lagoas, e durante todo o seu curso, de 21 quilômetros (todos dentro da cidade de João Pessoa), o Rio Jaguaribe sofre com o despejo de esgotos, lixo, vegetação e construções que impedem que siga o seu curso. Moradores de áreas ribeirinhas vivem constantemente o medo de terem suas casas arrastadas por enxurradas nos períodos de chuva e convivem com cobras, jacarés e doenças. A Secretaria de Meio Ambiente (Semam) e a Autarquia Especial Municipal de Limpeza Urbana (Emlur) afirmam que têm projetos para ajudar a revitalizar o rio, mas a população reclama que o Jaguaribe está morrendo à míngua, por causa da omissão do poder público.
A dona de casa Marluce Brito, 67 anos, mora na Rua Xavier Junior, em Cruz das Armas, em uma casa às margens do Rio Jaguaribe. Ela disse que algumas casas da área já foram removidas, menos a dela. “Minha casa foi cadastrada pela Prefeitura para ser tirada daqui, no início do mandato de Ricardo Coutinho. Eles vieram, fotografaram tudo, mas até hoje não fizeram nada”, afirmou. O período de chuva é o maior medo de Marluce. “Tá chegando o período chuvoso e estou com o coração na mão, aqui vai ser um estouro d’água. Já tem parede rachada dentro da minha casa, tenho medo que caia tudo”, relatou. Segundo a dona de casa, a última vez que o rio passou por uma limpeza foi em 2012. “A Prefeitura passa aqui pra limpar o mato do rio, mas já fez mais de um ano desde a última vez que eles passaram. Cortam tudo, mas num instante cresce de novo”, disse Marluce.
Na comunidade São Rafael, um caso mais grave. Segundo a comerciante Severina da Silva Sousa, 64 anos, no trecho do rio perto da casa dela (após a ponte da Avenida Dom Pedro II) nunca foi feita uma limpeza do rio. “A Prefeitura nunca veio limpar o mato aqui e está ficando muito fechado, a água está invadindo o quintal, principalmente nas chuvas”, disse Severina. A proximidade com o rio acaba fazendo ela e a família conviverem constantemente com a ameaça de animais. “Tenho um medo danado aqui, tem muita cobra, aparece até jacaré. Tem muita muriçoca também, eu já tive dengue, meu filho e minha neta também, mas graças a Deus não foi hemorrágica”, afirmou. Ela mora no mesmo local há 38 anos e disse que antigamente, a realidade era bem diferente. “O rio aqui era muito limpo, não enchia. Dava até pra lavar roupa, tomar banho, era quase uma praia”, relatou Severina.

Fonte: Portal Correio

Pronatec inscreve para cinco cursos no Campus Cabedelo do IFPB

A inscrição para cinco cursos do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) no Campus Cabedelo do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia da Paraíba (IFPB) está aberta. São turmas de Fotografia, Agente de Informação Turística, Piscicultor, Cuidador de Idoso e Condutor Ambiental Local. Os cursos com vagas abertas são de Formação Inicial e Continuada (FIC) com duração média de três meses de aula.
São cerca de 200 vagas no total. O programa tem como público prioritário os beneficiários de programas sociais e alunos de escolas públicas, mas é aberto a qualquer pessoa da comunidade. O estudante recebe fardamento, material didático e auxílio para o transporte e alimentação no horário das aulas.
O interessado deve procurar a Secretaria de Trabalho e Ação Social do Município de Cabedelo, que é o órgão demandante dos cursos junto ao IFPB, já que o Pronatec é desenvolvido em parceria do Governo Federal com Prefeituras e Estados. Para realizar a inscrição, basta apenas os documentos pessoais. Quando faltam vagas a serem preenchidas, o site nacional do Pronatec inicia inscrições online em pronatec.mec.gov.br
A coordenadora do Pronatec no Campus Cabedelo do IFPB, Keitiana Souza, adianta que nesse primeiro semestre também serão oferecidos os cursos de Línguas que ocorrerão aos sábados, entre eles Francês básico e avançado, Inglês básico e avançado, Espanhol básico e Intérprete de Libras. Segundo a professora Keitiana, a pré-matrícula dos cursos de línguas terá início no dia 3 de fevereiro na também na Secretaria Municipal de Ação Social e através da Secretaria de Educação do Estado.
Para conferir algumas disciplinas a serem ministradas no curso acesse http://www.ifpb.edu.br/reitoria/pro-reitorias/proext/pronatec/cursos-do-pronatec-em-cabedelo
Uma oficina de Maquiagem para Fotografia marcou o encerramento nesta quarta-feira do curso de Fotógrafo oferecido pelo Pronatec no Campus Cabedelo do IFPB iniciado em 2013. A atividade foi na Fortaleza de Santa Catarina onde também aconteceu uma sessão de fotos sob a orientação dos professores Daniel Nery, Romena e Paulo Rossi. As alunas do curso foram voluntárias posando para as fotos.
O curso tem como demandantes o Ministério da Cultura, Secretaria Estadual de Educação e Cultura e a Secretaria Social de Cabedelo, através do Ministério do Desenvolvimento Social. A certificação do curso de Fotógrafo, como dos demais cursos ofertados no último trimestre de 2013, será no dia 24 de fevereiro, às 14h no Campus Cabedelo. Na ocasião haverá uma exposição de fotos resultante dos componentes curriculares das práticas fotográficas e uma mostra de trabalhos do curso de Corretor de Moda.

Ascom do IFPB

Com a anuência do comitê gestor do projeto orla a Guajiru instala contêiner na praia para sua sede e continua a proteger as tartarugas

A ONG Associação Guajiru de Ciência, Educação e Meio Ambiente, criada em 2002 com o intuito de proteger os ninhos de tartarugas nas praias urbanas da orla paraibana, instalou-se provisoriamente, na sede do Bar do Surfista, no bairro de Intermares em Cabedelo, PB. Os voluntários do projeto localizam e cercam os ninhos para que não sofram com interferência do ser humano ou animais, além de realizarem um processo de conscientização com os frequentadores da região.
Após a retirada do bar por decisão judicial, a instituição ficou sem espaço para realização de suas atividades e se instalou embaixo de arvores e, depois de elaborar um projeto, conseguir parceiros, perambulou nas reuniões do Comitê Gestor do Projeto Orla, solicitando aprovação dos órgão competentes para a instalação de contêiner na praia para sua sede. A Guajiru realiza atividades de conscientização voltadas para a comunidade, escolas e turistas, tais como palestras, mutirões de limpeza e exposições.
Com a autorização do comitê, a Secretaria de Meio Ambiente (Semam) de João Pessoa iniciou nesta sexta-feira (17) a instalação de dois contêineres na praia do Bessa. O equipamento será usado como posto avançado da Semam, em parceria com a Associação Guajiru, que trabalha na preservação da tartaruga marinha.
Um dos contêineres servirá como almoxarifado e escritório da ONG, enquanto o outro deve abrigar uma equipe técnica da Semam que irá fiscalizar a região. A área protegida é considerada de grande importância ambiental, pois costuma abrigar diversos ninhos de tartaruga.
“A estrutura criada pela Prefeitura da Capital trará mais condições de trabalho para sua equipe que poderá atender mais pessoas e de maneira mais cômoda”, afirmou Rita Mascarenhas, coordenadora do projeto Guajiru.

Da Redação

Shaolin luta pela vida e acidente que deixou humorista em coma completa três anos

É através do olhar expressivo que imprimiu um estilo inconfundível, que o humorista Francisco Jozenilton Veloso, o ‘Shaolin’ tenta se comunicar com a família. A luta do comediante para sair do coma, completa três anos hoje. Acompanhado por uma equipe médica, composta por neurocirurgião, fisioterapeuta, psicólogo e fonoaudiólogo, em sua residência, no bairro do Catolé, em Campina Grande, o paraibano apresenta evolução lenta no quadro clínico, mas animadora. As esperanças dos familiares e amigos se voltam para os pequenos sinais que ele demonstra diariamente, e é a fé em Deus que tem dado forças para que eles continuem acreditando que Shaolin voltará a alegrar o país, com o humor clássico que o tornou conhecido nacionalmente. O artista entrou em coma após sofrer um acidente, em janeiro de 2011, na Alça Sudoeste, em Campina Grande.
De acordo com a esposa de Shaolin, Laudiceia Veloso, apesar da evolução no tratamento acontecer de forma lenta, tem correspondido às expectativas da família e a cada novo gesto que ele expressa reaviva a esperança e renova o sonho de vê-lo sair do coma. “A evolução está dentro do esperado. É uma recuperação lenta, mas muito satisfatória. Como é sabido de todos; o Shaolin ainda não consegue falar com a sua própria voz, mas se esforça muito para se comunicar conosco através do movimento dos seus olhos”, contou.
Segundo ela, após o acidente a rotina de toda família foi alterada e hoje, todos vivem em função de um mesmo objetivo: a recuperação total do humorista. “Foi necessária uma adaptação imediata aos fatos. Toda mudança desta natureza é dolorosa e muito difícil, mas acho que estamos nos saindo bem. A convivência é tranquila. Ele continua sendo o pai, o marido, o irmão, o filho... Procuramos deixá-lo o mais confortável e participante possível, dentro da rotina habitual”, explicou Laudiceia.
Para ela, o mais importante é que Shaolin se sinta inserido no contexto da família e para isso, junto com os filhos e os demais familiares, se revezam todos os dias na luta constante para integrá-lo a tudo que acontece. “Não deixamos ele de fora de nada que acontece. Procuramos informá-lo sobre tudo. Ele assiste televisão, vive informado e tem consciência de tudo o que acontece. Até as visitas é ele mesmo quem escolhe. Damos a Shaolin liberdade para suas escolhas para que ele se sinta sempre à vontade. Nós sabíamos, desde o primeiro diagnóstico, na noite do dia 18 de janeiro de 2011, que teríamos uma longa estrada pela frente. Continuamos muito confiantes na sua recuperação. O cérebro humano é imprevisível e pode nos surpreender a qualquer momento”, comentou a esposa.
“O bom filho à casa torna” - A mãe do artista, Elita Lacerda, 65, e os irmãos dele, Josevaldo Veloso, Joverlaine Veloso e Joseane Lacerda, não têm dúvidas de que Shaolin sairá do coma e afirmam que a cada novo gesto que ele emite representa uma renovação de fé e esperança. “Como diz o ditado: “O bom filho à casa torna” e é isso que vai acontecer. Estamos sempre muito confiantes e felizes. Não temos tristeza porque sabemos que Shaolin sairá do coma para a felicidade ser completa”, completou a mãe.
Enquanto isso, o filho mais novo do comediante, Lucas Veloso, que herdou do pai o dom de fazer humor, segue os passos dele, nos palcos da vida. “Ele é minha grande inspiração e por isso, escolhi também ser ator comediante. Tenho feito o máximo para levar humor às pessoas enquanto meu pai não está podendo levar a alegria dele para as pessoas, eu vou tentando fazer isso da melhor forma possível”, disse o filho.
O médico neurocirurgião Luciano Holanda, que foi um dos primeiros a atender Shaolin após o acidente, disse que não há como saber quando o paciente sai do estado de coma, podendo acontecer a qualquer momento ou até mesmo se prolongar pelo resto da vida. “Shaolin se encontra em um coma vigil onde o indivíduo apresenta os sinais como piscar de olhos, mastigação, lágrimas, mas não está conectado totalmente com a realidade. São atos que ocorrem com a ação automática do cérebro. Não tem como dizer que um paciente num estado desses sai do coma, porque pode acontecer de ser de uma hora pra outra, como também prosseguir pelo resto da vida. Já vi casos de pessoas que passaram três, quatro cinco anos e saíram do coma vigil e também vi casos em que o paciente não saiu”, contou o médico.
“Enquanto há vida também há esperança” – O neurocirurgião Luciano Holanda acredita que o atendimento a Shaolin após o acidente demorou o suficiente para que ele pudesse perder a oxigenação do cérebro, o que teria resultado no coma. “Um colega que fez o atendimento no local do acidente, me disse que quando encontrou o Shaolin, o cérebro dele já não estava mais recebendo oxigênio e quando isso acontece, chamamos de ‘anóxia’. Se a anóxia, que é a ausência de oxigênio no cérebro, for prolongada, pode resultar em uma lesão cerebral e até levar o paciente a óbito. No caso de Shaolin, o atendimento foi demorado o suficiente para que o cérebro parasse de receber oxigênio, mas ao mesmo tempo, foi rápido no sentido de salvá-lo e evitar a morte”, explicou o médico.
Para ele, no quadro atual em que o artista se encontra, a fé das pessoas que o rodeiam é um elemento fundamental para a recuperação. “O que posso dizer é que em uma situação como essa, o mais importante é ter fé e saber que enquanto há vida também há esperança”, ressaltou.
Amigo: “São três anos sem muita graça” – Para os humoristas, sobretudo os paraibanos, a ausência de Shaolin no cenário do humor representa uma perda para o mundo artístico. O comediante paraibano Rossini Macedo, o ‘Tonho dos Couros’, amigo e colega de trabalho de Shaolin, disse que desde o acidente, em 2011, que o humor não é mais o mesmo no Brasil.
“São três anos sem muita graça. Esse tempo todo o humorismo tem perdido muito. Shaolin é um humorista completo, que faz o tipo do humor clássico. Sempre foi uma de minhas referências e além de um excelente profissional, era um companheiro muito querido. Torcemos para que ele saia do coma e volte a alegrar o país. Sabemos que é difícil, mas temos fé que isso vai acontecer um dia. Ele vai acordar e do jeito que falava vai gritar de forma bem humorada: “Laudiceia, vem cá mulher!”, disse o artista.
MP apela de condenação – Apesar de ter sido condenado em novembro de 2012, o motorista Jobson Clemente Benício, ainda não começou a cumprir a pena determinada pelo juiz da 4ª Vara Criminal de Campina Grande, Wandemberg de Freitas Rocha. Na época, a pena de dois anos de prisão pelos crimes de lesão corporal e omissão de socorro foi substituída pela prestação de serviços comunitários. O magistrado também suspendeu o uso da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) do motorista por um período de um ano.
No entanto, o promotor Sócrates Agra, representante do Ministério Público no caso, interpôs um recurso de apelação junto ao Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB), por que, segundo ele, esperava que ele recebesse a condenação máxima de quatro anos para o acusado, em regime fechado.
“O motorista deveria ter pego pena máxima de quatro anos, como apresentou o MP na denúncia. Ele foi imprudente e provocou o acidente que causou sérios danos ao humorista. Os graves ferimentos, comprovados que resultam no coma de Shaolin, são provas irrefutáveis. Tudo isso teria que ter sido levado em consideração. Mas o juiz então decidiu pela pena mínima e ainda com substituição por prestação de serviços. Por isso, estamos aguardando agora a apreciação do TJPB”, disse.
Acidente na Alça Sudoeste, em CG – Na noite do acidente, ocorrido em 18 de janeiro de 2011, na Alça Sudoeste, em Campina Grande, o humorista seguia do distrito de São José da Mata para Campina Grande, quando foi atingido por um caminhão, guiado pelo motorista Jobson Clemente, 23, que segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), invadiu a faixa contrária e acabou atingindo o carro de Shaolin. O motorista fugiu do local sem prestar socorro. Minutos após o acidente, ele foi socorrido por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levado para o Hospital Antônio Targino, onde deu entrada com traumatismo craniano.
Após passar pelos primeiros procedimentos e ser submetido a uma cirurgia, Shaolin foi levado para São Paulo, onde passou cinco meses, internado no Hospital das Clínicas, em coma e passando por várias cirurgias. Em junho de 2011, ele retornou a Campina Grande, sendo levado para sua casa, no bairro do Catolé, onde permanece até hoje.

Fonte: Jornal Correio da Paraíba 

Banhistas devem evitar cinco das 56 praias do litoral paraibano neste fim de semana

A Superintendência de Administração do Meio Ambiente (Sudema) divulgou, nesta sexta-feira (17), o relatório semanal de balneabilidade das praias do litoral paraibano. Trechos das praias do Jacaré, em Cabedelo; Cabo Branco e Manaíra, em João Pessoa; além das praias de Ponta de Lucena e Lucena, no município de mesmo nome, devem ser evitados pelos banhistas. O relatório tem validade até a próxima quinta-feira (23).
Na Praia do Jacaré, deve ser evitada a área localizada na margem direita do estuário do Rio Paraíba e, no município de Lucena, os banhistas devem respeitar a distância de 100 metros à direita e à esquerda das desembocaduras do maceió e das galerias. Em João Pessoa, a mesma distância deve ser evitada em relação às galerias de Manaíra e do contorno da Avenida Cabo Branco.
Conforme o relatório, as demais praias do Estado são consideradas adequadas para o banho e são classificadas nas categorias excelente, muito boa e satisfatória. Apesar de classificadas como próprias à balneabilidade, a Sudema recomenda aos banhistas que evitem os trechos de praias localizados em áreas frontais a desembocaduras de galerias de águas pluviais, principalmente se houver indício de escoamento recente.
A equipe da Coordenadoria de Medições Ambientais da Sudema divulga, uma vez por semana, a situação de balneabilidade das 56 praias do Estado, por meio de coleta de material para análise. O monitoramento é semanal nos municípios localizados em centros urbanos com grande fluxo de banhistas: João Pessoa, Lucena e Pitimbu. Nos demais municípios do litoral paraibano, a análise é realizada mensalmente.

Fonte: Secom/PB

Por do Sol do Jacaré - Reveja a matéria do Fantástico sobre qual o por do sol mais bonito do Brasil.

Qual o melhor por do sol do Brasil? O Fantástico exibiu na edição de 12/01/2014, uma excelente matéria, onde mostrou vários por do sol no Brasil, entre eles o por do sol de Jacaré, dessa vez, não omitiram que o mesmo acacontece em Cabedelo.
Destacado em rede nacional, as imagens mostram a beleza do pôr-do-sol do Jacaré, mais especificamente quando ele parece esconder-se nas águas do Rio Paraíba. Na matéria disputa o título de melhor por do sol do Brasil, as cidades de Fortaleza/CE, Cabedelo/PB, Rio de Janeiro/RJ, Recife-PE, entre outras localidades.

Acesse o vídeo e veja matéria completa
Matéria exibida no Fantástico da edição de 12/01/2014. Excelente matéria! Confira!
Aguinaldo Silva


Petistas pedem afastamento do partido, colocam cargos a disposição e reafirmam compromisso com a reeleição de Ricardo e Dilma.

Os petistas históricos que ocupam cargos no governo Ricardo Coutinho e que tinham recebido um ultimato da direção partidária, para entregarem os cargos ou deixarem o partido, divulgaram hoje, um documento com três laudas, onde enfocam suas militâncias pelas causas sociais, pelas liberdades individuais, coletivas e na construção da legenda, reconhecem avanços no governo socialista, pedem afastamento do PT, colocam seus cargos a disposição e reafirmando o compromisso com a reeleição do governador e da presidenta Dilma.  
A direção estadual do Partido dos Trabalhadores na Paraíba, ultimou os filiados que exercem cargos no Governo do Estado foram "Convidados" a escolher entre as funções ou a permanência no PT. Carlos Alberto (executivo da Infraestrutura), Francisco Linhares (diretor da PB-Tur) e Maria Aparecida Henriques (comissionada da Secretaria de Agricultura), acabaram se posicionando pelas duas alternativas. Tanto colocaram os cargos à disposição do governador Ricardo Coutinho (PSB) quando pediram afastamento do partido.
Uma carta aberta subscrita pelos três foi divulgada pelo Parlamento-pb. De acordo com a matéria publicada no site, o secretário Marenilson Batista, pré-candidato a deputado estadual, ainda não se posicionou, embora esteja também, na mira dos dirigentes do PT.
O documento protocolado no diretório estadual do PT e aponta as razões pelas quais os três petistas apoiaram e apoiam o governo de Ricardo Coutinho, destaca as similaridades que veem entre a gestão do PSB da Paraíba e a de Dilma Rousseff (PT). Em outro ponto, Maria Aparecida, Carlos e Linhares defendem a criação de comitês "Ricardo e Dilma" para tratar da relação de identidade entre os dois governos. Eles também assumem compromisso com a reeleição de Ricardo e Dilma.
Ricardo Coutinho já recebeu a carta, mas ainda não se posicionou a respeito. O prazo dado pelo presidente estadual do PT, Charliton Machado, encerraria no próximo dia 21, os filiados teriam que escolher entre as funções ou a permanência no partido. No dia 27, a executiva estadual vai se reunir para decidir o que fazer em relação ao conflito.
Da Redação com informações do Parlamento-PB

Confira abaixo a integra do documento divulgado pelos filiados.



ACICA pede alternativa energética para cimenteiras da PB e reclama da ‘matriz suja’ (petcoke) em Cabedelo

O Secretário Executivo da Associação Cabedelense para a Cidadania (ACICA) e fundador do projeto ‘Observatório Social’ da UFPB, Ernesto Batista, reclamou do uso de Petcoke como combustível para a indústria cimenteira na Paraíba e pediu que sejam buscadas soluções que não agridam ao meio ambiente.
Em entrevista à Rádio CBN João Pessoa, Ernestinho destacou que é preciso haver um melhor manuseio e descarte dos resíduos de Petcoke. Ele apontou que pelo fato de a matéria prima custar 17% menos que qualquer combustível, dá a visão de que é algo que traz benefício econômico, contudo aponta que o produto traz muitos danos sociais e ambientais.
Batista explicou que com o aumento das fábricas, foi sendo necessária a aquisição de mais Petcoke e com isso foi pedido mais área que se estendia no sentido Praia do Jacaré e o produto era depositado na beira da praia. Ele comentou que só foi removido e colocado no mangue onde hoje está após reclamação da iniciativa privada.
“Defendemos que se é para trazer esse tipo de produto para o nosso porto que seja trazido com investimento. A descarga do navio feita por veículo fechado e transportado por via férrea ou construída uma estrada. Que o Petcoke seja armazenado no pátio da cimenteira ou criada uma alternativa energética. O Coke é muito mais barato que qualquer combustível, mas o custo social e ambiental é muito forte. Achamos que existem outras soluções”, diz.
O representante da ACICA questiona o porquê de a Paraíba não ser como os países de primeiro mundo que usam gás, até porque o estado tem uma empresa de gás. Ele reclama da matriz energética suja e dos danos causados ao meio ambiente e a saúde da população.
Os defensores da permanência do produto na cidade portuária paraibana, afirmam que as preocupações do dirigente da ACICA não têm justificativas, uma vez que, existe por parte da empresa armazenadora do produto, uma total preocupação para com o meio ambiente, fazendo inclusive, analises constates do nível de poluição e limpeza da área. E, quanto a saúde da população, segundo eles, em todo esse tempo de operação com o produto em Cabedelo, nunca, jamais, um trabalhador ou morador da área utilizada, foi hospitalizado em virtude do manuseio ou por residir próximo ao local de armazenamento do produto que chamam carinhosamente de “petcoke verde”.  
A íntegra da entrevista do dirigente da ACICA pode ser acessada clicando AQUI

Edição de texto: Aguinaldo Silva com Marília Domingues

Gostou do que leu? Comente. Compartilhe. Divulgue

RENASCER EM NOTÍCIA

Minha foto

AGUINALDO SILVA - Radialista Profissional - 2.913 DRT-PB, 46 anos, servidor publico, natural de Mulungú-PB, radicado em Cabedelo-PB desde 1988, divorciado, pai de um casal de filho, produtor e ativista cultural, socialista por convicção, militante social, cultural e político em Cabedelo,  blogueiro, escreve no site www.cabedelonarede.com.br e no blog www.renasceremnoticia.blogspot.com
Ama os seres humanos e detesta a desigualdade social. "Se voce é capáz de se indignar com o sofrimento de seu semelhante, somos amigos" Frase de Che Guevara que tem como moldura em sua vida.
Atualmente trabalha na Casa da Cidadania de Cabedelo e busca ativar o movimento cultural do Renascer e interligar em rede, o terceiro setor de Cabedelo.
 
Site: Cabedelo Na Rede : Click aqui Copyright © 2011. Renascer em Notícia - Editado por Rhicardho
Proudly powered by Blogger